COORDENADOR(A) DE PROGRAMA DE FORTALECIMENTO FAMILIAR

A SOS Children's Villages International é uma organização global criada em 1949 que trabalha para atender às necessidades e proteger os interesses e direitos das crianças que perderam os cuidados parentais e aqueles em risco de os perder. A SOS Children's Villages International trabalha através de associações membros em 135 países em todo o mundo.

 

Aldeias de Crianças SOS da Guiné-Bissau é uma associação nacional não governamental de desenvolvimento e membro da Federação Internacional das Aldeias Crianças SOS que desde 1994 vem desenvolvendo as suas atividades no sentido de atender às necessidades e preocupações das crianças. A SOS Guiné-Bissau desenvolve e gere um grande leque de programas e projetos em Bissau, Gabú e Canchungo, incluindo programas de fortalecimento familiar, programas para jovens, escolas primárias e secundárias, jardins infantis, um centro de formação profissional e vários projetos comunitários.

 

A Direção Nacional das Aldeias de Crianças SOS da Guiné-Bissau pretende recrutar um(a) Coordenador(a) de Programa de Fortalecimento Familiar em Canchungo.

Disponibilidade imediata.

 

Resumo do Posto

 

O coordenador de Programa de Fortalecimento Familiar assegurará a coordenação geral das atividades do programa e da equipa, de acordo com os padrões e estratégias organizacionais.

 

Relações hierárquicas:

  • Reporta-se hierarquicamente ao Coordenador Nacional FS e recebe o apoio técnico deste.

  • Recebe orientações e apoios técnicos adicionais do Conselheiro Regional da PRF.

  • Trabalha em estreita colaboração com colegas do Departamento de Programas e outros Departamentos (FDC, FC e HR);

  • Mantém um bom relacionamento e estreita cooperação com as autoridades governamentais locais, lideres comunitários reconhecidos, organizações e / ou instituições que operam nas mesmas comunidades de intervenção e partilham a mesma visão da SOS, bem como com aquelas que prestam serviços complementares.

 

 

Principais Tarefas

  • Identificar as principais partes interessadas, incluindo o governo local, parceiros comunitários e beneficiários do programa, e garantir a ativa participação dos mesmos no processo de planificação e implementação do programa, dando ênfase especial à participação infantil.

  • Elaborar um plano de ação com base nas constatações do estudo de viabilidade, seguido de planos anuais com base nas constatações e análises, em consonância com a missão, políticas, prioridades estratégicas e recursos disponíveis da organização.

  • Liderar a implementação das atividades do programa com os parceiros de acordo com os objetivos, ações e prazos delineados no plano anual e no plano de ação conjunta.

  • Capacitar todas as famílias beneficiárias para a autossuficiência, com base num plano de desenvolvimento familiar.

  • Apoiar a capacitação dos parceiros de implementação do programa (podem ser organizações ou estruturas baseadas na comunidade, grupos de autoajuda, ONGs locais ou autoridades locais) para garantir a sustentabilidade de programa em longo prazo

  • Participar nos fóruns governamentais e / ou comunitários lidando com questões que afetam crianças de nosso grupo-alvo.

  • Construir boas relações com a mídia local (por exemplo, rádio comunitária), para que as questões dos direitos da criança em geral, bem como a missão e os objetivos da organização, possam ser promovidos regularmente.

  • Garantir que os recursos financeiros da organização sejam usados ​​de forma modesta e eficiente.

  • Garantir que todas as despesas / uso de recursos do programa estejam de acordo com o plano e orçamento anuais.

  • Fornecer ao superior direto atualizações regulares sobre as atividades e resultados do programa, incluindo relatórios regulares

  • Documentar e compartilhar boas práticas e lições aprendidas com colegas para apoiar a aprendizagem organizacional.

  • Preparar as informações do programa conforme necessário para fins de relações públicas e desenvolvimento de fundos.

 

Qualificações e Habilidades 

  • Formação académica: diploma universitário em ciências sociais, ou em outra área relacionada;

  • Experiência de trabalho: mínimo de três (3) anos de trabalho relevante no domínio dos serviços sociais ou do desenvolvimento comunitário; Experiência em gestão (administrativa, financeira e dos recursos humanos). A experiência em monitorização e avaliação de projetos será uma vantagem acrescida.

  • Línguas: excelente português escrito e falado. Bom dominio do francês e/ou inglês.

  • Habilidades:

    • Capacidades de análise e de redação, que permitem identificar problemas e apresentar possíveis soluções a curto, médio e longo prazo;

    • Conhecimento significativo sobre os Direitos da Criança;

    • Consciência e compreensão de questões do desenvolvimento social, incluindo género, educação, saúde, etc.;

    • Domínio da informática (Word, Excel, Power Point e Internet) – utilizador;

    • Ser comunicativo e de fácil relacionamento.

Nós oferecemos

 

  • Tipo de contrato: 6 meses (renovável)

  • Salário e benefícios atraentes

  • Um ambiente de trabalho de equipa encorajador

  • A oportunidade de trabalhar para uma ONG internacional respeitada e reconhecida

Como candidatar-se?

Envie um e-mail para recrutamento.nogw@sosbissau.org com:

  • Um Curriculum Vitae

  • Uma carta de motivação

  • Uma cópia digital de diplomas e certificados

  • Três (3) referências profissionais (com pelo menos um supervisor)

As candidaturas femininas são fortemente encorajadas

 

 

 

O prazo para candidaturas decorre até 11 de setembro 2020

 

© 2023 por SOS Guiné-Bissau. Orgulhosamente criado por BIGTechnologies Sarl

FALE CONNOSCO

(+245) 96 6017697 /

+245 95 642 14 53

MORADA 

Rua D. Settimio Arturo Ferrazzetta

(Estrada da Granja) B.P. 696 Bissau